Pular para o conteúdo
Não à privatização dos presídios

Assine contra a privatização dos presídios

Leia nossa política de privacidade.

Contra a privatização dos presídios

O Brasil tem a 3ª maior população carcerária do mundo, perdendo apenas para os Estados Unidos e a China. Com cerca de 832 mil pessoas presas, tem a maior população carcerária da história. 

O sistema penitenciário encarcera muito mais a população negra. Para se ter uma ideia, a cada 10 pessoas presas, 7 são negros. O crescimento em relação aos dados coletados em 2005 é um aumento de 381%.

Há um movimento há anos pela privatização dos presídios no país. Crítico ao sistema prisional brasileiro e mundial, Glauber sabe que o encarceramento não reduz a criminalidade nem reabilita a pessoa à sociedade. 

Privatizar vai piorar ainda mais a atual situação. Pode agravar ainda mais um cenário já caótico, com agravamento do problema do encarceramento em massa, em especial da população negra. É mais uma forma de transformar as pessoas privadas de liberdade em mercadorias.

A privatização dos presídios é parte da lógica neoliberal de transformar todos os serviços do Estado em lucro para os capitalistas. Nesse sentido, teremos um encarceramento em massa para acumular mais lucros, uma vez que as empresas responsáveis receberão por cada pessoa encarcerada. 

Sabemos que com o racismo estrutural que já condena antecipadamente a população negra e periférica por sua cor, teremos uma super ampliação das prisões, transformando em um negócio muito lucrativo.

Some conosco nesta luta. Pelo fim do encarceramento em massa e pela não privatização dos presídios. Assine nossa campanha.

Reproduzir vídeo
Glauber Braga PSOL

Site desenvolvido e mantido pela equipe do mandato de Glauber Braga, Deputado Federal pelo PSOL/RJ